fbpx

O minimalismo como um estilo de vida muito atual.

Certamente você já ouviu muitas vezes a frase “menos é mais”. Um conceito que pode ser aplicado em vários aspectos da vida.

Menos carros, mais passeios a pé pela cidade.

Menos móveis, mais espaço dentro de casa.

Menos roupas caras no armário, mais dinheiro para viajar.

Essa ideia de uma vida com menos coisas está diretamente ligada a um movimento que vem crescendo pelo mundo todo: o minimalismo. Uma forma de viver apenas com o que é essencial.

O tema é tão atual que inclusive já virou tema de livros e até um documentário na Netflix.  

De acordo com os autores de “Minimalism: A Documentary About the Important Things” (“Minimalismo: um documentário sobre as coisas que importam”), os escritores Joshua Fields Millburn e Ryan Nicodemus, o minimalismo é um comportamento que torna as pessoas mais importantes do que as coisas que elas possuem. Dando menos importância para o material, surge espaço para o que realmente importa na vida.

Na mesma linha, a escritora americana Francine Jay, autora de “Menos é mais: Um guia minimalista para organizar e simplificar sua vida”, quem é minimalista dá mais valor para as experiências e se importa menos com as posses materiais. Quando não somos dependentes das coisas ou não somos mais definidos pelo o que possuímos, nossos potenciais e possibilidades são ilimitados. Com menos coisas na vida, ganhamos mais espaço, mais tempo livre e mais energia vital.

Como surgiu o minimalismo.

O minimalismo começou com movimentos artísticos, culturais e científicos do século XX que tinham a preocupação em fazer uso de poucos elementos fundamentais como base de expressão. A partir daí, o conceito se espalhou e virou referência para um estilo de vida ligado apenas ao essencial.

Um dos principais preceitos do movimento é focar muito mais na qualidade do que da quantidade. É saber que objetos e coisas não tem capacidade de preencher os vazios da alma.

A grande mensagem do documentário Minimalism é “Ame as pessoas e use as coisas, porque o oposto nunca dá certo.”

Quem tem um estilo de vida minimalista, está sempre escolhendo o que deseja incluir na sua vida de forma consciente. Tudo tem significado e valor. Por isso, obviamente que itens essenciais para a higiene oral, como uma escova de dentes e a duplinha TUNG Brush & Gel, nunca faltarão nem na casa dos minimalistas mais radicais =)

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: